sábado, 21 de maio de 2016

Copa América Centenário





Hoje, dia 21 de maio foi anunciada a convocação final da seleção americana para Copa América Centenário, torneio que comemora os 100 anos da Copa América que será realizado nos Estados Unidos. Dez equipes da CONMEBOL e seis da CONCACAF vão estar na competição, os Estados Unidos estão no Grupo A, junto de Colômbia, Paraguay e Costa Rica, o grupo é considerado o mais equilibrado da competição.

O treinador da seleção americana Jürgen  Klinsmann tem sido alvos de criticas, principalmente devido ao mal desempenho na Gold Cup de 2015 . A seleção americana disputou quatro jogos esse ano, com três vitorias e uma derrota . Os Estados Unidos estão em segundo lugar pelo Grupo C no quarto round das eliminatórias da CONCACAF para Copa do Mundo de 2018 com duas vitorias, um empate e uma derrota .

A Copa 100 não passa de um torneio amistoso, e para os Estados Unidos o evento em sim é mais importante do que o torneio já que os americanos tem pretensões de sediar a Copa do Mundo de 2016, o ano de 2016 para os Estados Unidos teriam sido bem mais interessante se a seleção americana tivesse se classificado para as Olimpíadas no Rio de Janeiro, isso não aconteceu apesar da boa geração, cabe a federação tentar consertas os erros para que os mesmos não se repitam no futuro .


Confrontos nos Grupo 

Colômbia : Estados Unidos e Colômbia já se enfrentaram dezessete vezes : os americanos venceram três vezes, empataram quatro vezes e perderam dez vezes. As duas equipes já se encontraram por três vezes na Copa América, todas as três com vitorias dos colombianos .

Paraguai :  Estados Unidos e Paraguai já se enfrentaram por seis vezes, os americanos tem um recorde de duas vitorias, dois empates e duas derrotas. Em 2007 as duas equipes se encontram na Copa America, os paraguaios venceram por 3a1 .

Costa Rica : As duas equipes já se enfrentaram trinta e quatro vezes e vai ser a primeira que as duas seleções se enfrentam numa competição fora da CONCACAF em jogos oficiais .

Historia na Competição 

O U.S. Team participou por três vezes na Copa América, a primeira vez foi em 1993, os americanos ficaram na fase do grupos . Em 1995 a seleção americana teve uma impressionante campanha conquistando o quarto lugar, com vitorias sobre a Argentina e Chile . A última participação da seleção americana foi em 2007, os Estados Unidos ficaram na fase de grupos .

Pré lista

Goleiros (5)
: David Bingham (San Jose Earthquakes), Brad Guzan (Aston Villa), Tim Howard (Everton), Ethan Horvath (Molde), Nick Rimando (Real Salt Lake)

Defesas (15): Kellyn Acosta (FC Dallas), Ventura Alvarado (Club America), Matt Besler (Sporting Kansas City), Steve Birnbaum (D.C. United), John Brooks (Hertha Berlin), Geoff Cameron (Stoke City), Edgar Castillo (Monterrey), Timmy Chandler (Eintracht Frankfurt), Brad Evans (Seattle Sounders FC), Omar Gonzalez (Pachuca), Eric Lichaj (Nottingham Forest), Matt Miazga (Chelsea FC), Michael Orozco (Club Tijuana), Tim Ream (Fulham), DeAndre Yedlin (Sunderland)

Meio-campistas (12): Kyle Beckerman (Real Salt Lake), Alejandro Bedoya (FC Nantes), Michael Bradley (Toronto FC), Mix Diskerud (New York City FC), Fabian Johnson (Borussia Moenchengladbach), Jermaine Jones (Colorado Rapids), Perry Kitchen (Heart of Midlothian), Alfredo Morales (Ingolstadt), Darlington Nagbe (Portland Timbers), Lee Nguyen (New England Revolution), Danny Williams (Reading FC), Graham Zusi (Sporting Kansas City)

Atacantes  (8): Jozy Altidore (Toronto FC), Clint Dempsey (Seattle Sounders FC), Ethan Finlay (Columbus Crew), Jordan Morris (Seattle Sounders FC), Christian Pulisic (Borussia Dortmund),Chris Wondolowski (San Jose Earthquakes), Bobby Wood (Union Berlin), Gyasi Zardes (LA Galaxy)

Convocação Oficial


GOALKEEPERS (3): 1-Brad Guzan (Aston Villa), 12-Tim Howard (Colorado Rapids), 22-Ethan Horvath (Molde IK)

DEFENDERS (8): 5-Matt Besler (Sporting KC), 3-Steve Birnbaum (D.C. United), 6-John Brooks (Hertha Berlin), 20-Geoff Cameron (Stoke City), 21-Timmy Chandler (Eintracht Frankfurt), 23-Fabian Johnson (Borussia Moenchengladbach), 14-Michael Orozco (Club Tijuana), 2-DeAndre Yedlin (Tottenham Hotspur)

MIDFIELDERS/FORWARDS (12): 15-Kyle Beckerman (Real Salt Lake), 11-Alejandro Bedoya (Nantes), 4-Michael Bradley (Toronto FC), 8-Clint Dempsey (Seattle Sounders FC), 13-Jermaine Jones (Colorado Rapids), 16-Perry Kitchen (Heart of Midlothian), 10-Darlington Nagbe (Portland Timbers), 17-Christian Pulisic (Borussia Dortmund), 18-Chris Wondolowski (San Jose Earthquakes), 7-Bobby Wood (Hamburg SV), 20-Gyasi Zardes (LA Galaxy), 19-Graham Zusi (Sporting KC)

Timmy Chandler lesionado saí, em seu lugar entra Edgar Castillo (  Monterrey ) - 27/05/2016


Análise

Eu gostei da convocação feita por Klinsmann, com jogadores interessantes, o treinador da seleção americana montou uma forte defesa, que foi o setor que eu mais gostei dentro dos convocados .  Gostei da volta do Chandler, ele e Jonhson são jogadores diferenciados e juntos são importantes para o U.S. Team . Outra boa escolha de Klinsmann foi chamar Wood e Pulisic que se destacaram na Alemanha esse ano . A única dúvida foi no ataque, a lesão do Altidore foi uma grande baixa para a seleção americana, Jack McInerney poderia ser uma boa escolha, mas ele é sempre ignorado por Klinsmann, Zusi e Wondolowski são os únicos nomes que não me agradaram, eles poderia ser substituídos por Kljestan que está fazendo um excelente retorno da MLS e McInerney que já mencionei que seria uma boa alternativa para o ataque dos Estados Unidos .



Minha Convocação 

Goleiros : Tim Howard, Brad Guzan e William Yarbrough . ( 3 )

Defesas : Matt Besler, John Brooks, Geoff Cameron, Omar Gonzalez,Matt Miazga,DeAndré Yedlin, Timothy Chandler, Fabian Johnson e  Brek Shea ( 9 )

Meias : Michael Bradley, Will Trapp, Dillon Powers,Jermaine Jones, Sasha Kljestan, Ethan Finlay e Sebastian Llegtet ( 7 )

Atacantes : Jozy Altidore, Clint Dempsey, Jack McInerney e Jordan Morris ( 4 )

Eu dei preferências aos jogadores que disputam a MLS ao invés do que estão na Europa por questões físicas, jogadores que atuam no continente europeu jogaram por uma temporada inteira e a maioria está fisicamente comprometido . Alguns nomes que são esnobados por Klinsmann também fazem parte do meu time , jogadores como : Kljestan que teve um excelente retorno a MLS, Jack McInerney que jogou muito bem no Montreal Impact, Powers e Trapp que são um dos melhores volantes da MLS e Sebastian Llegtet que jogou muito bem em 2015 .

Nenhum comentário:

Postar um comentário