quinta-feira, 21 de abril de 2016

U.S. Team vs MSL Team





Nos anos 80 a Major Indoor Soccer League era considerada a primeira divisão no sistema de ligas na pirâmide do soccer dos Estados Unidos. Em 1989 o U.S. Team conseguiu se classificar para Copa do Mundo de 1990 na Itália com a vitória sobre Trinidade Tobago em Port of Spain por 1a0, Paul Caliguri fez o gol dos americanos, esse jogo ficou reconhecido como Shot Heard Round the World e marcou a volta dos Estados Unidos na Copa do Mundo depois de 40 anos de espera.

No inverno desse ano, Ron Newman um dos treinadores da Major Indoor Soccer League (MISL) desafiou a United States Soccer Federation (USSF) numa serie de jogos, o vencedor teria o direito de representar os Estados Unidos na Copa do Mundo de 1990 mas USSF recusou o desafio. Em setembro de 1990, após a Copa do Mundo de 1990, United States Soccer Federation voltou atrás e aceitou o convite, A MISL tinha mudado de nome e passou a ser chamar Major Soccer League indicando uma possível expansão para o futebol de campo, nos início anos 90 o clima do esporte era outro no país, os americanos iriam sediar a Copa do Mundo de 1994 e por exigência da FIFA, o país sede teria de ter uma liga de outdoor (futebol de campo) como sua principal divisão, foi então que começou uma corrida para qual liga seria a principal liga do país, entre Major Idoor Soocer League, American Professional Soccer League e grupo da Major League Soccer que só foi fundado em 1993.

Os amistosos seriam jogados numa serie de dois jogos nos dias 28 e 30 de setembro de 1990, a primeira partida seria disputada em  Kansas City (Missouri) e a segunda em Fenton (Missouri), ao contrário do desafio de 1989 que o vencedor supostamente iria representar o país na Copa do Mundo os jogos desta vez não passavam de uma série partidas amistosa não oficiais que ficou conhecido como Budweiser Challenge Cup.

Originalmente a equipe da MISL era formada por um All Star com os melhores americanos da liga mas o time sofreu mudanças e passou a ser uma equipe com os melhores jogadores da MISL independente da nacionalidade. A equipe da Major Soccer League era considerada favorita já que a seleção americana estava enfraquecida, porque os principais jogadores da época que se destacaram na Copa do Mundo de 1990 como Tony Meola, Paul Caliguri, John Harkes, Tab Ramos, John Doyle, Hugo Perez, Steve Trittschuh e Kasey Keller estavam na Europa e não puderam ser relacionados.

O primeiro jogo foi realizado no Arrowhead Stadium, KansasCity com um público de 10,161 torcedores, a partida terminou empatada por 1a1, MSL All Star abriu o placar aos 18 minutos com Ted Eck, aos 48 minutos Bruce Murray empatou. No segundo jogo disputado no St. Louis Soccer Park em Fenton, Missouri com um publico de 2,857 a seleção americana surpreendeu e bateu o MSL All Star por 2a0, Peter Vermes marcou os dois gols da partida, o primeiro logo no incio do jogo aos 3 minutos e o segundo aos 87 minutos de pênalti. Peter Vermes e goleiro Mark Dodd que não sofreu gols e fez boas defesas foram os destaques do jogo. Com o resultado a USSF venceu no placar agregado, um dos motivos explicados da derrota da da MSL foi que a MSL liga estava em off season e fisicamente os jogadores da MSL não estavam acostumados a correr por 90 minutos num campo de futebol (outdoor).

U.S. Team

Goleiros

Aton Nistl (San Diego Nomads, American Profissional Soccer League)
Mark Dodd (Colorado Foxes, American Professional Soccer League)

Defesas

Troy Dayak (San Francisco Bay Blackhawks, American Professional Soccer League)
Steve Pittman (Fort Lauderdale Strikers, American Professional Soccer League)
Desmond Armstrong (USSF)
Jimmy Banks (Milwaukee Wave, National Premier Soccer League II)
Robin Fraser (Colorado Foxes, American Professional Soccer League)
Marcelo Balboa (San Francisco Bay Blackhawks, American Professional Soccer League)
Mike Windischmann (Albany Capitals, American Professional Soccer League)
Paul Krumpe (Real Santa Barbara, Real Santa Barbara)

Meio-campistas

Brian Bliss (Energie Cottbus, NOFV-Oberliga)
Dan Donigan (Penn-Jersey Spirit, American Professional Soccer League)
Kevin Grimes (Colorado Foxes, American Professional Soccer League)

Atacantes

Scott Banedetti (Seattle Storm, American Professional Soccer League)
Bruce Murray  (Washington Stars, American Professional Soccer League)
Eric Wynalda (San Francisco Bay Blackhawks, American Professional Soccer League)
Eric Eichmann (Fort Lauderdale Strikers, American Professional Soccer League)
Philip Gyau (Maryland Bays, (Fort Lauderdale Strikers, American Professional Soccer League)
Peter Vermes (FC Volendam, Eredivisie)

Treinador : Bob Gansler.

MSL Select Team

Goleiros

Zoltan Toth, Hungria (St. Louis Storm)
Ron Fearon, Inglaterra (Wichita Wings)

Defesas

Chico Moreira, Uruguay (Wichita Wings)
George Fernandez (Cleveland Crunch)
Kim Roentved, Dinamarca (Kansas City Comets)
Fernando Clavijo, Uruguay/EUA (St. Louis Storm)
Bruce Savage (Baltimore Blast)

Meio-Campistas

Daryl Doran (St. Louis Storm)
Mike Sweeney, Canadá (Cleveland Crunch)
Chico Borja, Uruguay/EUA (Wichita Wings)
Dale Ervine (Wichita Wings)
Claudio DeOliveira, Brasil (St. Louis Storm)
Brian Quinn, N.Irlanda/EUA (San Diego Sockers)

Atacantes

Preki,Yuoguslavia (St. Louis Storm)
Gary Heale, Inglaterra (Tacoma Stars)
Tatu, Brasil (Dallas Sidekicks)
Ted Eck, (Kansas City Comets)
Paul Wright, Inglaterra (San Diego Sockers)
David Byrne, Africa do Sul/Inglaterra (Wichita Wings)

Treinadores :  Ron Newman e Don Popovic


Análise do U.S. Team

Apesar de ter sido considerada enfraquecida pelas ausências a seleção americana tinha uma boa equipe com dez jogadores que disputaram a Copa do Mundo de 1990. Bob Gansler montou um bom time com jogadores que foram importantes para história da seleção americana e outros que se destacaram no futebol/soccer doméstico dos Estados Unidos.


MSL Select Team  :

Ron Newman e Don Popovic montaram uma equipe forte e interessante, a maioria dos jogadores era estrangeiros mas alguns como Preki, Fernando Clavijo e Brian Quinn mais tarde se tornariam jogadores importantes para o U.S. Team, outros destaques americanos são Dale Ervine que representou o U.S. Team cinco vezes e jogou a Copa do Mundo de Futsal de 1992 sendo o artilheiro do time americano com nove gols, Bruce Savage que jogou na seleção americana por dez jogos, inclusive nas Olimpíadas de 1984 e na Gold Cup de 1991, ano que os americanos ganharam pela primeira vez na competição, George Fernandez que disputou as Copas do Mundo de Futsal de 1992 e 1996, Chico Borja que jogou nas Olimpíadas de 1984 e na Copa do Mundo de Futsal de 1992 e Ted Eck que disputou a Gold Cup de 1991.

Mesmo que muito desses jogadores estrangeiros fossem destaques na liga eu manteria a promessa de só chamar jogadores americanos, na verdade fico me perguntando o por quê de jogadores como Kevin Crow, Victor Nogueira, Mike Fox, Andy Schmetzer, A.J. Lachowecki e etc ficaram de fora do time, todos eles eram bons jogadores que se destacavam nas ligas indoor, no time nacional/e na seleção de futsal e com certeza se eles estivessem sido chamados para o time da MSL eles iriam dar algo a mais para equipe.


Melhores momentos do segundo jogo.

https://www.youtube.com/watch?v=EEHz9W6uoJ8&feature=youtu.be

sábado, 16 de abril de 2016

Major League Soccer






O Início 


A Major League Soccer foi fundada em 1993, mas pode ser dizer que sua historia teve em início em 1988, quando a federação americana de futebol (USSF) se comprometeu a criar uma liga de futebol profissional de campo (outdoor) que fosse a primeira divisão no sistema de no sistema ligas na pirâmide do soccer americano como condição da FIFA para sediar a Copa do Mundo de 1994 nos Estados Unidos. Originalmente a MLS tinha planos para estrear em 1995, com 12 equipes no entanto a liga anunciou em novembro de 1994 que iria atrasar o seu lançamento até 1996 e iria começar com dez equipes: Columbus Crew, D.C. United, New England Revolution, NY / NJ MetroStars, Tampa Bay Mutiny, Colorado Rapids, Dallas Burn, Kansas City Wiz, Los Angeles Galaxy, e San Jose Clash.

Nos primeiros anos, nenhuma equipe jogou em estádio específico para futebol, os times da MLS alugaram estádios da NFL ou de faculdades. Muitos jogadores que foram destaques na Copa do Mundo de 1994 foram atuar na liga assim como os principais jogadores do time nacional americano, havia também jogadores draftados das faculdades e jogadores de ex ligas e de ligas menores na MLS.


Os Pais Fundadores


Os três responsáveis pela criação da Major League Soccer foram Alan Rothenberg, Lamar Hunt e Philip Anschutz . Todos eles foram muito importantes para o desenvolvimento do soccer nos Estados Unidos .  Alan Rothenberg foi presidente da USSF de 1990 a 1998 e chefe organizador da Copa do Mundo de 1994 nos EUA, Philip Anschutz é uma das figuras mais influentes no soccer nos Estados Unidos, além de ele ter sido um dos fundadores da liga ele foi o responsável pela criação de equipes como Los Angeles Galaxy, Chicago Fire, Colorado Rapids, Houston Dynamo, San Jose Earthquakes, D.C. United, e New York/New Jersey MetroStars. Ele também incentivou que as equipes da MLS investissem em estádios específicos para o soccer para que as equipes aumentassem as receitas e controla-se melhor os seus custos. E Lamar Hunt um dos pioneiros no soccer no país, Hunt já havia tido experiencia com o soccer na NASL ( 1968 -1984 ) com o Dallas Tornado ( 1967 - 1981 ), na MLS ele teve um importante papel sendo dono de duas equipes : o Columbus Crew e os Kansas City Wizards. Em 1999 Hunt financiou a construção do primeiro estádio específico para o soccer na MLS, o Mapfre Stadium do Columbus Crew e em 2003 ele comprou outra equipe da MLS : o Dallas Burn.

American Way 

Com o fim de atrair o publico no país a MLS optou a criar regras com base nos esportes americanos tradicionais, regras como : o tempo do jogo era de contagem regressiva, começava nos 90 mim e terminava quando chegava a 00, não havia empates, então foram criados os shoot-outs ( Em vez de uma cobrança de pênalti em linha reta, o jogador começava a 35 metros do gol e tendo cinco segundos para tentar marcar o gol num duelo entre o jogador de linha e o goleiro, todas essas regras já haviam feitas na NASL ( 1968 - 1984) . Em 2000, um período gol de ouro de 10 minutos substituiu o os shoot-outs e em 2005 a MLS aboliu todas as regras´´americanizadas ´´ e passou a usar todas as regras oficiais da International Board.


MLS Perto do Fim

Nos primeiros ano a Major League Soccer estava com problemas financeiros, depois da primeira temporada a liga sofreu com declínio do publico e a liga estava perdendo dinheiro, em 1998 duas novas franquias se afiliaram a liga o Chicago Fire e o Miami Fusion, a Major League Soccer passou a ter doze times mas ainda sofria com os problemas financeiros, neste mesmo ano na Copa do Mundo na França a seleção americana da qual a base do time era a MLS ficou em último lugar perdendo todos os jogos, a qualidade da liga foi posta em dúvida e também foi criticada obrigando a MLS investir em novos mercados para atrair jogadores, a liga também investiu em talentos americanos, jovens e veteranos. Em 1999 a crise na MLS intensificou-se fazendo que o comissário da liga Doug Logan saísse de sua função em agosto de 1999, Don Garber, um ex-executivo da National Football League, foi contratado como comissário no mesmo mês . No início dos anos 00 a liga estava num bom nível técnico, jovens jogadores promissores estavam surgindo, jogadores como DaMarcus Beasley, Landon Donovan, Clint Mathis e outros que mostravam o seu valor e provavam que os Estados Unidos podiam revelar bons jogadores mas por outro lado a liga continuava no prejuízo e o ápice da crise veio em 2001 quando as duas equipes da Flórida : Miami Fusion e Tampa Bay Mutiny encerraram as atividades fazendo a liga voltar a ter número original de 10 equipes . A liga estava perto do fim, a MLS passo a ter poucos proprietários, Philip Anschutz era dono de seis equipes enquanto Lamar Hunt era dono de duas e a liga continuava a perder dinheiro a cada ano, Chegou a um ponto que a liga estava muito próxima de acabar, os investidores estavam fora, o sonho de ter uma liga de futebol profissional nos Estados Unidos parecia ter chegado ao fim, a MLS deixou de existir por algumas horas . Foi quando uma réstia de esperança surgiu para definir o futuro da liga,  Lamar Hunt !! praticamente sozinho convenceu os proprietários da liga e trouxe todos de volta a bordo, eles estavam comprometidos com a MLS novamente graças a Lamar Hunt que salvou a liga de ser extinta . Hunt sabia dos perigos e dificuldades de criar uma liga exportiva, ele tinha sido um dos membros fundadores da NASL e também foi um dos fundadores da MLS e ele não iria deixar que a MLS tivesse o mesmo destino da NASL.


De Volta aos Negócios 

Um ano após Lamar Hunt ter salvo a MLS, a seleção americana teve um desempenho surpreendente na Copa do Mundo de 2002, chegando nas quartas de final  vencendo equipes como México e Portugal, a campanha do U.S. Team na primeira Copa do Mundo do milênio refletiu de maneira muito positiva na Major League Soccer, fazendo que a MLS Cup (final) de 2002  tivesse um público recorde de 61,316 espectadores no Gillette Stadium . Foi a final da MLS com o maior público e o jogo com segundo maior público entre times americanos no país, o primeiro foi entre equipes da  NASL em 1978  com um publico de  75.000 no mesmo estádio.

Os anos seguintes foram muito produtivos para MLS, a liga estava ganhando atenção com os jogadores que exportava para Europa, inclusive destaques da seleção americana. Os jogadores que não tinham tanto peso na seleção americana também conquistava marcas importantes como Jason Kreis que foi o primeiro jogador a marcar 100 gols na liga, ele também foi o primeiro jogador a marcar o primeiro gol por duas equipes . Em 2005 duas novas equipes se afiliaram a liga : Real Salt Lake e o Chivas USA, a liga estava com doze equipes novamente, em 2006 teve o hiato do San Jose Earthquakes mas a liga ganhou outro novo time, o Houston Dynamo. No período de 2003 a 2008 a MLS viu um marco muito positivo, a construção de seis estádios específicos para o soccer o que contribuiu para saúde financeira da liga e dos times.


A Liga do Futuro

O ano de 2007 foi um ponto de virada para Major League Soccer, a liga ganhou uma nova franquia, o Toronto FC do Canadá, mas o que revolucionou a MLS na quele ano foi a contratação de David Beckham, graças a criação de uma nova regra, A Regra do Jogador do Designado ( essa regra permite que cada equipe da MLS possa contratar jogadores acima do teto salarial estipulado pela liga ), a regra ficou conhecida de Regra Beckham. David Beckham foi contratado pelo LA Galaxy, ele foi o primeiro jogado Designado a ser contratado, a vinda de Beckham para MLS talvez tenha sido um dos maiores marcos da liga, a vinda dele para MLS atraiu grande atenção do publico e da mídia e inseriu a liga no mercado internacional com um peso nunca visto antes. A parti desse momento grandes destaques internacionais migraram para liga, assim como revelações americanas iam para Europa e veteranos americanos voltavam para MLS, outro grande feito foi manter Landon Donovan o melhor jogador americano de todos tempos na liga, ele teve grande contribuição para o desenvolvimento da liga.


Depois de 2007 a MLS foi crescendo a cada ano , em 2008 o San Jose Earthquakes voltou do hiato, no ano seguinte o Seattle Sounders FC se afilou a liga com um poderoso investimento . Em 2010 o Philadelphia Union se tornou a décima sexta franquia da MLS . Em 2011 duas novas franquias se afiliaram a liga o Portland Timbers e o Vancouver Whitecaps FC, a última vez que duas franquias entram na liga no mesmo ano foi em 2005 . Em 2012 foi a vez do Montreal Impact que se tornou o décimo nono time da MLS e terceiro time canadense na liga . No fim de 2014 a franquia do Chivas USA foi extinta, mas logo no ano seguinte duas novas franquias se afiliaram a liga : o Orlando City e o New York City FC, as duas equipes ganharam grande investimentos, foi a quarta vez na historia da MLS que duas equipes entram no mesmo ano (primeira vez em 1998 : Chicago Fire e Miami Fusion - segunda vez em 2005 : Chivas USA e Real Salt Lake, Terceira vez em 2011 :Portland Timbers e o Vancouver Whitecaps FC). De acordo com o comissário Don Garber a Major League Soccer terá 28 equipes até 2020. Não foi só o número de franquias que cresceu na MLS, a média de público ao passar dos anos cresceu significativamente, inclusive tendo uma das melhores médias de público do mundo, a liga passou a ser mais televisiona tendo melhores contratos das grandes redes de televisão . O mercado da liga também cresceu muito tanto de exportar jogadores tanto de importar jogadores . Outra conquista da liga é que atualmente a grande maioria das equipes tem um estádio próprio para o soccer.

Análise

Major League Soccer foi o maior acontecimento da historia do soccer nos Estados Unidos desde a Copa do Mundo de 1994, nunca na história do esporte nos Estados Unidos tinha se feito algo parecido e tão ambicioso, nem mesmo com a North American Soccer League (1968 - 1984).

A Major League Soccer é um exemplo de planejamento financeiro e organização, os organizadores foram extremamente responsáveis e tiveram todo o cuidado para não cometer os erros do passado. A MLS é a liga quem mais se desenvolve no mundo e cada ano fica mais forte e competitiva.

quarta-feira, 6 de abril de 2016

O Jogo que Mudou a Historia do Soccer dos Estados Unidos




Há exatos 20 anos, no dia 6 de abril de 1996  nascia o que iria se tornar um fenômeno, a Major League Soccer que foi o maior acontecimento da historia do soccer nos Estados Unidos desde a Copa do Mundo de 1994, nunca na história do esporte nos Estados Unidos tinha se feito algo parecido nem mesmo com a North American Soccer League (1968 - 1984)  havia  acontecido algo parecido, era um sonho se tornando realidade, muitos fans e jogadores que sonharam com a criação de uma liga de futebol profissional e com a estreia da MLS o football ou melhor o soccer estava nos Estados Unidos.

San Jose Clash e D.C. United protagonizaram o jogo inaugural da Major League Soccer que foi disputado na Spartan Stadium, Califórnia diante de um público de 32 mil fans. A partida foi emocionante com direito a um gol tardio, aos 88 minutos Eric Wynalda recebeu o bom passe de Iroha, o artilheiro cortou os defensores e fez um lindo gol se tornando o primeiro jogador a marcar um gol na Major League Soccer .

San Jose Clash XI : Tom Liner, Tim Martin, John Doyle, Michael Emenalo, Troy Dayak, Benedict Iroha, Paul Bravo, Jorge Rodas, Victor Mella, Jeff Baicher e Eric Wynalda .

D.C. United XI : Jeff Causey, Said Fazlagic, Jeff Agoos, Thor Lee, Shawn Medved, Mario Gori, John Harkes, Richie Williams, Marco Etcheverry, Juan Suarez e Raul Diaz Arce .

Melhor em Campo : Eric Wynalda .


Análise da MLS 96 


Hoje em dia muitos elogiam o nível técnico da Major League Soccer e não restam dúvidas sobre isso, é a liga que se mais se desenvolve no mundo mas infelizmente esse novo público desvaloriza os primeiro anos da Major League Soccer o que é um erro, na  época a liga tinha um excelente nível com muitos jogadores estrangeiros que jogam em suas seleções assim como os principais jogadores americanos que também serviam o U.S. Team .

Análise D.C. United 1996 

Treinado por Bruce Arena um dos melhores treinadores americanos de todos os tempo o D.C. United tinha um excelente elenco com muito jogadores internacionais como : John Harkes, Jeff Agoos, Tonny Sanneh e Eddie Pope, todos americanos que tiveram grande destaque no U.S. Team. A dupla boliviana Marco"El Diablo" Etcheverry e Jaime Moreno e Raul Diaz Arce um dos principais jogadores de El Salvador .

Análise San Jose Clash

A equipe da Califórnia também era boa, o San Jose tinha bons destaques internacionais assim como o seu rival,  jogadores como Eric Wynalda que foi um dos melhores jogadores da historia dos Estados Unidos, John Doyle que disputou a Copa do Mundo de 1990 pelo U.S. Team, Eddie Lewis que jogaria duas Copas do Mundo pela seleção americana, A dupla de internacionais da Nigéria Michael Emenalo e Benedict Iroha e jogadores como Paul Bravo e Ramiro Corrales que apesar de não terem tanto destaque internacional tiveram uma carreira sólida na liga .

Link do jogo : 

https://www.youtube.com/watch?v=4YOMg6-6sYo